O Festival ATSÁ

ATSÁ é como os puyanawa chamam a mandioca: um alimento típico da Amazônia
cultivado milernarmente pelos povos indígenas.

O festival ATSÁ celebra a cultura do povo puyanawa através da música, dança, pintura corporal e rituais nativos deste povo da floresta.

Celebrar o alimento que nutre a vida é tradição entre o povo puyanawa que neste ano, abre as portas de sua Terra Indígena para compartilhar com os ‘Dauá’ os saberes e sabores do Atsá – a milenar mandioca – através de um festival que reúne culinária, música, dança, pintura corporal, cultura e espiritualidade de um povo empenhado em manter vivas, as raízes de sua existência.

 

Povo Puyanawa

Perseguidos, escravizados e quase extintos no início do Século XX, os índios puyanawas deram a volta por cima.

Hoje estão firmemente estabelecidos em sua terra indígena, no município de Mâncio Lima, Acre. Se destacam na produção de farinha de mandioca (na língua, ATSÁ), item econômico mais importante do Vale do Juruá.

Em 2000 o Estado Brasileiro reconheceu seu direito como povo indígena através da demarcação do território. Desde então, o povo puyanawa luta pelo reavivamento de sua cultura. O primeiro passo foi a língua, que após ter quase desaparecido, voltou a ser ensinada na escola. A produção de farinha de mandioca é a luta do dia-a-dia pela subsistência. O cuidado com o território e a floresta é a garantia das gerações que virão.

“A história do povo puyanawa é uma história de resistência e superação.”

Galeria de Fotos

Veja algumas fotos do Povo Puyanawa.

Notícias

Notícias e artigos sobre os puyanawa.

Antropólogo Puyanawa recebe prêmio por melhor monografia na UnB

Jósimo Constant, da etnia Puyanawa, recebeu o V Prêmio Martin Novion...
Read More

Cultura e identidade do Povo Puyanawa são apresentadas à comitiva do Colorado

Agricultores exímios, o povo Puyanawa, localizado na região do Vale do Juruá,...
Read More

Jósimo Constant Puhku: da aldeia do povo Puyanawa ao mestrado na UnB

Nascido na comunidade Barão, do povo indígena Puyanawa, na região de...
Read More

Depoimentos

O que as pessoas dizem sobre o povo puyanawa

Je suis de Paris et je suis ici avec mes amis Puwe et Vari, je les rejoins au mois de juillet pour le festival Puyanawa, nous vous attendons.

YVES MEYNIE
Paris, France

He presenciado el rescate de la cultura del pueblo Puyanawa y percibido cuán encantadora es ella, así que estaré presente en el festival ATSA y te invito a participar de esta hermosa fiesta no Corazón de la Amazonia.

ADOLF SANZ MONFORT
Barcelona, Spain

Foi na cultura indígena que eu tive uma das experiências mais incriveis da minha vida, por isso, estarei presente no Festival Atsá e convido você para uma imersão na cultura e espiritualidade do povo Puyanawa.
Haux Haux!

IZAÚ MELO
Cruzeiro do Sul, Acre, Brazil

“No passado foi a dor, a escravização e o sofrimento.
Mas sobrevivemos e hoje temos a inspiração para estudar, aprender e fazer nossa cultura e ensinar para os mais jovens.
Nós acordamos para a realidade da vida, vivemos com alegria e sabemos que para garantir nossos direitos
temos que conhecer nossa tradição e mostrar”.

Cacique Joel Puyanawa

PARCEIROSPARCEIROSPARCEIROS

Parceiros

Conheça alguns dos principais apoiadores e parceiros do povo puyanawa.